As Vantagens e Desvantangens do Vegetarianismo

os prós e contras do vegetarianismo

Os Prós e Contras do Vegetarianismo

A batalha entre vegetarianos e comedores de carne não é uma história nova. O vegetarianismo está fortemente ligado a várias religiões como o Hinduísmo, o Jainismo e o Budismo e é defendido por escrituras e líderes influentes. Embora a religião possa ser uma razão para as pessoas adotarem o vegetarianismo, fatores como a moral, questões de saúde e restrições alimentares podem fazer com que uma pessoa evite produtos de carne.



 

Tipos de Vegetarianismo

Normalmente, quando pensamos numa dieta vegetariana, pensamos nela como uma dieta que não tem carne ou produtos à base de carne. Mas sabia que existem várias categorias de ser vegetariano?

Os Ovolactovegetarianos comem tanto ovos como produtos lácteos.

Os Lactovegetarianos comem produtos lácteos, mas não ovos

Os Vegans não comem carne, aves de capoeira, peixe, produtos lácteos, ovos ou outros produtos animais, como gelatina ou mel.

Os Vegetarianos parciais não comem carne, comem alguns alimentos de origem animal, como peixe ou aves

Os crudívoros são vegans que vão um passo mais além: consumirão todos estes alimentos no seu estado bruto (mais especificamente, os alimentos não podem ser aquecidos acima dos 48 graus C). Os crudívoros estão, portanto limitados a uma dieta de frutas, vegetais, frutos secos e grãos, brotos de cereais e leguminosas, cogumelos e algas marinhas e óleos vegetais.

Os flexitarianos também conhecidos como semi-vegetarianos (vegetarianos parciais), são os mais permissivos de todos os vegetarianos. Ocasionalmente, o Flexitarianismo incluirá carne na sua dieta. No entanto, sempre que possível, optarão por carnes biológicas ou carnes cultivadas localmente, de modo a reduzir o impacto no ambiente e no sofrimento dos animais. Muito simplesmente, eles são consumidores responsáveis que desejam diminuir o consumo de carne.

Os macrobióticos são principalmente vegetarianos, mas esta dieta por vezes inclui frutos-do-mar. Todos os outros produtos de carne estão excluídos, assim como os ovos e os produtos lácteos. Basicamente, esta dieta foca-se em comer alimentos locais e sazonais que se equilibram de forma harmoniosa. Algumas pessoas seguem esta dieta como uma filosofia de vida e outras seguem-na por razões de saúde.

Os frugívoros comem apenas frutas e legumes, muitas vezes incluindo feijão, nozes e grãos, geralmente crus.

Como deve ter notado, existem inúmeros tipos de vegetarianismo. De facto, não é necessário colocar um rótulo específico na alimentação e é perfeitamente aceitável mover-se com facilidade neste continuum alimentar vegan. Um tipo não é melhor que o outro. De facto, independentemente do tipo de vegetarianismo que se escolha, saiba que a sua escolha não precisa de ser permanente. Cada pessoa reage de forma diferente à comida e é completamente normal experimentar diferentes tipos de nutrientes antes de encontrar o que é certo para ti!

 

Uma dieta vegetariana é segura?

Os riscos associados a seguir uma dieta vegetariana envolvem deficiências em certas vitaminas e minerais, como a vitamina B-12, e ácidos gordos ómega-3. Os alimentos que escolhe fazem toda a diferença.

Tecnicamente pode ser um vegetariano a comer uma dieta feita inteiramente de batatas fritas e batidos, que têm pouco valor nutricional.

Como resultado, os muitos benefícios para a saúde podem não se aplicar.

Lembre-se: As calorias vazias podem entrar em qualquer tipo de dieta, sem carne ou não.

 

E durante a gravidez e para as crianças?

Mulheres grávidas e mães lactantes podem obter os nutrientes de que necessitam através de uma dieta vegetariana. O mesmo é válido para as crianças.

Se está a seguir uma dieta vegetariana e está grávida, a amamentar, ou a amamentar uma criança, pode precisar de suplementar com vitamina B-12, vitamina D. Ferro adicional, ácido fólico e ómega 3 também podem ser uma boa ideia, embora os vegetarianos possam consumir mais ácido fólico do que as pessoas com uma dieta que inclua carne.

Uma dieta vegetariana é naturalmente pobre em gorduras e rica em fibras, e os seus prós normalmente superam os contras, mas ser vegetariano tem os seus riscos. Deve-se seguir uma dieta planeada e ser muito cauteloso para prevenir a deficiência de nutrientes. Portanto, estar consciente dos prós e contras de seguir uma dieta vegetariana pode ajudá-lo a tomar as decisões mais saudáveis, se tentar seguir uma. Algumas delas estão listadas abaixo.

 


✔️ Vejamos Agora as Vantagens Do Vegetarianismo ✔️


 

👍 Vantagem: Melhoria da Saúde do Coração

De acordo com o American Journal of Clinical Nutrition, os vegetarianos têm até um terço menos de probabilidade de morrer de doenças cardíacas. Este tipo de dieta pode levar à diminuição da pressão arterial, à melhoria dos níveis de colesterol, a um peso mais saudável e a uma menor incidência de Diabetes tipo 2, o que pode reduzir o risco de doenças cardíacas e acidentes vasculares cerebrais.

 

👍 Vantagem: Controlo de peso

A alimentação à base de plantas está frequentemente associada à perda de peso. Estudos têm demonstrado que quem segue uma dieta vegetariana consome tipicamente menos calorias do que uma dieta omnívora. Os investigadores descobriram também que a variação mais restritiva – a dieta vegan – é também suscetível de ter a ingestão calórica mais baixa.

Se está a tentar alcançar ou manter um peso saudável, a ingestão diária mais baixa de calorias associada à alimentação vegetariana ou vegan pode ajudá-lo a atingir o seu objetivo.

 

👍 Vantagem: Redução do risco de cancro

De acordo com um estudo de 2014, as dietas com elevado teor de proteínas animais estavam associadas a 4 vezes mais riscos de morte por cancro do que as dietas com elevado teor de proteínas de origem vegetal. Foi descoberto que os vegetarianos apresentam até 40% menos hipóteses de desenvolver cancro. Consumir fruta e vegetais em quantidade suficiente irá fortalecer o nosso sistema imunitário e ajudar-nos a lutar contra as células cancerígenas.

 

👍 Vantagem: Digestão melhorada

A saúde digestiva pode melhorar com uma dieta vegetariana, sendo a chave uma dieta bem planeada, claro. Quando se come comida rica em fibras, sentimo-nos mais cheios e evitamos tanto a obstipação como a diarreia. Por outras palavras, ser vegetariano ajuda a manter a comida e o desperdício a circular suavemente pelo seu sistema.

 

👍 Vantagem: Melhor saúde óssea

Embora possa parecer que os produtos animais são bons para a saúde do cálcio e dos ossos, pode forçar o cálcio a sair do organismo. A osteoporose é uma condição crónica comum associada à perda progressiva da densidade mineral óssea (DMO) e ao comprometimento da força óssea, tendo-se verificado que as suas taxas são mais baixas em países onde as pessoas comem principalmente dietas vegetarianas.

 

👍 Vantagem: Tratamento Ético dos Animais

Porque nenhum animal é morto para produzir alimentos vegetarianos, muitos escolhem esta dieta devido a preocupações com a crueldade animal. No entanto, aqueles que optam por consumir ovos e lacticínios podem ainda ter de enfrentar questões relacionadas com o tratamento de galinhas e vacas.

Os ativistas dos direitos dos animais preferem que os consumidores escolham uma dieta vegetariana para promover o tratamento ético dos animais. Mas a opção vegetariana menos restritiva ainda reduz o impacto global sobre a população animal.

 

👍 Vantagem: Longevidade

Foram feitos alguns estudos e investigações para investigar a ligação entre as dietas vegetarianas e a longevidade, tendo sido encontradas muitas associações positivas. Estudos mostram que as pessoas que seguem uma dieta saudável baseada em plantas vivem mais tempo do que aqueles que comem carne, mas é difícil dizer se é a dieta ou as práticas alimentares conscientes e práticas de exercício físico regulares da maioria dos vegetarianos e vegans.

 

👍 Vantagem: Pode diminuir os sintomas da asma

Um estudo sueco mais antigo sugere que uma dieta vegetariana, especificamente vegana, pode diminuir os sintomas da asma. Vinte e dois dos 24 participantes que fizeram uma dieta vegana durante um ano viram melhorias, incluindo uma menor dependência de medicamentos.
Pensa-se que certas comidas animais podem produzir uma resposta alérgica ou inflamatória, por isso remover estas comidas da dieta pode reduzir estas respostas.

 

👍 Vantagem: Virtude ética

Matar animais sem piedade, em nome da produção de alimentos, não é ético. Os animais são seres sensíveis tal como os seres humanos e também eles têm ligações sociais. Todos os animais podem sentir stress, dor e medo.

Não é justo que estes animais tenham de morrer para satisfazer uma preferência alimentar desnecessária. Portanto, retirar os produtos animais da nossa dieta é uma forma mais gentil e gentil de viver uma vida ética.

 

👍 Vantagem: Impacto ambiental

A comunidade ambiental está cada vez mais preocupada com o impacto do gado e das práticas pecuárias na terra. Por isso, algumas pessoas optam por eliminar a carne e comer uma dieta vegetariana porque sentem que é melhor para o planeta.

A agricultura de plantas para produzir frutas, vegetais, frutos secos, sementes e cereais requer menos terra e recursos hídricos do que a produção de carne, aves e lacticínios. E as vacas produzem mais gases em estufas do que as plantas, o que leva alguns adeptos do vegetarianismo a acreditar que eliminar a carne e os lacticínios da dieta ajuda a reduzir o risco de aquecimento global.

 

👍 Vantagem: Melhor Controlo de Peso

As pessoas que seguem dietas vegetarianas têm menos probabilidades de se tornarem obesas do que os indivíduos que seguem uma dieta omnívora. Isto pode ser o resultado de um maior consumo de alimentos de menor caloria e mais recheados, como vegetais e feijões. Além disso, a obesidade convida a doenças graves como a hipertensão arterial, diabetes e cancro, por isso é melhor manter o seu peso sob controlo.

 


❌ Vejamos Agora as Desvantagens Do Vegetarianismo ❌


 

👎 Desvantagem: Deficiências nutricionais

Uma dieta vegetariana bem fundamentada pode proporcionar uma nutrição adequada. No entanto, existem certos nutrientes chave que são geralmente encontrados em comidas animais que podem estar em falta numa dieta vegetariana, se a dieta não incluir uma variedade de comidas saudáveis.

Os nutrientes que podem estar em falta numa dieta vegetariana incluem vitamina B12, vitamina D, ácidos gordos ómega 3, cálcio, e zinco.

Estudos demonstraram  que, apesar da ingestão de zinco tender a ser menor nos vegetarianos, os seus corpos tendem a adaptar-se a níveis mais baixos através de uma maior absorção e retenção do mineral.

Os investigadores também notam que uma dieta bem planeada pode fornecer zinco adequado através de fontes vegetais como cereais integrais, tofu, tempeh, leguminosas, frutos secos e sementes, cereais de pequeno-almoço fortificados e produtos lácteos.

A vitamina B-12, ou cobalamina, encontra-se na carne de bovino, fígado, peixe, marisco, frango e outras fontes de carne – alimentos não consumidos numa dieta vegetariana. Mas os ovos contêm vitamina B12, assim como alguns cereais de pequeno-almoço fortificados e produtos lácteos. Os investigadores descobriram, no entanto, que a suplementação pode ser necessária para pessoas que seguem uma dieta vegetariana ou vegan.

 

👎 Desvantagem: Menos escolhas alimentares

Se está habituado a consumir uma dieta tradicional que inclui carne, marisco e outros produtos de origem animal, pode pensar que a dieta vegetariana é limitada no início. Certamente, leva tempo a adaptar-se ao estilo de alimentação se estiver habituado a construir refeições à volta do bacon ao pequeno-almoço, carnes de charcutaria ao almoço, e carne de vaca ou frango ao jantar. Mas há uma grande variedade de recursos para o ajudar a aprender a encontrar ou criar refeições satisfatórias sem carne.

A maioria dos vegetarianos julga que há muitas opções não só nas mercearias e nos restaurantes, mas mesmo quando jantam com amigos e familiares em casas particulares. Os pratos à base de plantas são frequentemente encorajados por especialistas em saúde para quem come carne, por isso não é invulgar ver pratos saborosos que são amigos dos vegetarianos.

 

👎 Desvantagem: Nem sempre Saudável

Embora consumir uma dieta vegetariana possa proporcionar benefícios para a saúde e ajudar a manter um peso mais saudável, não é uma garantia.

Há um número crescente de comidas vegetarianas muito processadas. Muitas vezes, estes alimentos contêm mais gordura, sódio, açúcar adicionado e calorias do que os seus equivalentes tradicionais.

Confiar nestes alimentos de conveniência leva ao mesmo paladar limitado e às mesmas preocupações de saúde associadas à dieta tradicional americana.

De facto, um estudo que investigou dietas vegan

descobriu que aqueles que seguiam uma dieta que incluía cereais integrais, frutas, vegetais, nozes, leguminosas, óleos, chá e café tinham um risco substancialmente menor de doenças cardíacas. Mas aqueles que escolheram uma versão menos saudável da dieta, incluindo bebidas açucaradas, grãos refinados, batatas, batatas fritas e doces, tinham um risco mais elevado.

 

👎 Desvantagem: Exposição a produtos químicos

Tem havido alguma preocupação na comunidade sanitária com o aumento do risco de exposição a herbicidas e pesticidas entre aqueles que consomem uma dieta à base de plantas.

De facto, alguns estudos demonstraram que, devido ao facto de a fruta, os legumes e os cereais serem frequentemente cultivados com estes químicos, os vegetarianos podem estar mais expostos a resíduos de pesticidas do que a população em geral, devido a hábitos alimentares específicos.

Contudo, embora a exposição a pesticidas possa ser mais elevada, outros investigadores descobriram que ainda é provável que se enquadre em orientações seguras. Além disso, não é claro se a exposição limitada tem mais potencial de danos do que a exposição a hormonas ou antibióticos por vezes encontrados em alimentos para animais, ou se a exposição potencial reduz os benefícios obtidos com o consumo de uma dieta à base de plantas.

Uma solução simples para esta preocupação consiste em comprar alimentos biológicos. No entanto, estes produtos são frequentemente caros e podem não estar disponíveis em todas as áreas. Se os produtos biológicos não forem uma opção para si, os especialistas em saúde aconselham que lave cuidadosamente as frutas e legumes para limitar a exposição.

 

👎 Desvantagem: A noção de que os vegetarianos vivem mais tempo pode ser um mito

Escolher uma refeição vegetariana fresca e fibrosa é, sem dúvida, a melhor escolha. Escolher refeições vegetarianas não tão saudáveis, juntamente com um estilo de vida deficiente, como fumar em excesso, beber frequentemente, falta de atividade física, etc., pode diminuir a sua esperança de vida, com proteína animal ou sem nenhuma proteína animal.

 

👎 Desvantagem: Limita as oportunidades de comer fora

Embora seja uma prática comum de alimentação, nem todos os restaurantes recebem vegetarianos, o que pode dificultar as refeições com os amigos. Terá de inspecionar cuidadosamente o menu para procurar alimentos que não contenham quaisquer subprodutos animais, e poderá até ter de pedir ao empregado de mesa para saber os ingredientes exatos de um prato. Isto pode retirar a espontaneidade de comer fora e torná-lo menos agradável.

 

👎 Desvantagem: Potencial interferência com as condições médicas existentes

Se tem uma condição médica como osteoporose ou diabetes, é crítico consultar o seu médico e um dietista registado ao iniciar e implementar um plano de alimentação vegan, pois uma dieta vegan pode interferir com a sua condição.

 


 

Antes de seguir pela filosofia vegetariana siga estes conselhos

Vai demorar algum tempo para aprender a cozinhar pratos vegetarianos, por isso experimente diferentes receitas que sejam apelativas para o seu paladar e fáceis de preparar.

Se está a pensar tornar-se vegetariano, aconselhamos que consulte primeiro o seu médico. Assim que tiver luz verde do seu médico, estas orientações podem ajudar-te a começar:

  • Leia atentamente os rótulos: os produtos animais estão em muitos produtos embalados, muitas vezes de forma difícil de identificar
  • Transição gradual para a alimentação vegan para que o seu corpo se possa adaptar a ela. Perceba que a alimentação vegan é mais restritiva do que a alimentação vegetariana. Também pode considerar fazer várias transições, tais como de não vegetariano para vegetariano parcial, depois para lacto-ovo vegetariano, e depois decidir o quanto mais confortável é para si
  • Inclua proteínas vegetais adequadas na sua dieta
  • Combine fontes vegetais de ferro com ingredientes ricos em vitamina C (tais como pimentos vermelhos, laranjas e morangos) para que o seu corpo possa absorver bem o ferro
  • Inclua uma fonte fiável de B12 na sua dieta

Conclusão

O vegetarianismo já existe há muito tempo. No entanto, ele tem voltado nos últimos tempos desde que foi popularizado por muitas celebridades, que afirmam que comer principalmente frutas e vegetais é a chave para a pele, cabelo e corpo perfeitos. Muita gente jura pelo vegetarianismo e acredita que é uma das melhores formas de conseguir boa saúde, mas também tem sido muito criticada por aqueles que acreditam que evitar carne não é tão bom como nos fazem acreditar.

As dietas vegetarianas bem planeadas são saudáveis e ajudam a prevenir doenças crónicas. Mas não se esqueça de pedir ao seu dietista para o orientar sobre como incluir os nutrientes “em risco”, escolhendo os alimentos certos nas combinações certas para uma dieta completamente equilibrada.

Written By
More from Joao Gracieira

Ordens Arquitectónicas clássicas: A Ordem Toscana

Tudo Sobre a Ordem Toscana A Ordem Toscana foi a mais simples...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *