Como Ter um Relacionamento Duradouro

Relacionamentos de todos os tipos podem ser difíceis às vezes por isso é importante saber como construir um relacionamento duradouro. Um relacionamento duradouro é algo com que a maioria das pessoas sonha e às vezes os casais se esquecem de colocar o seu relacionamento à frente de outras coisas. O trabalho, a família, os problemas pessoais e as finanças às vezes atrapalham. Mas, não tem que ser assim. Tente seguir as dicas abaixo para ajudar a construir o seu relacionamento duradouro.

Antes de mais nada, é preciso ganhar tempo um para o outro. Isso significa sair com amigos, sair sozinho, ir a um evento desportivo, uma função social ou apenas abraçar no sofá. As pessoas por vezes tendem a esquecer-se de passar tempo juntas, por isso é importante relaxar e partilhar tempo com o seu parceiro, por muito mau que tenha tido um dia antes.

Nunca deixe de trabalhar em si mesmo e no seu relacionamento

Precisa estender a mão e tocar o seu parceiro. Isto é extremamente importante num relacionamento, carinho e mostrar amor um ao outro. Devem fazer isso quando eles menos esperam, estender a mão e dar-lhes um beijo ou um abraço. Isso deve ser espontâneo e deve fazer isso com frequência.

Deixe o seu parceiro saber o quão sortudo você se sente por tê-los na sua vida. Por vezes esquecemo-nos de dizer um ao outro o quanto os nossos parceiros são importantes na nossa vida e isto é algo que realmente deve ser feito. Expresse o quanto você os ama e o quanto você se importa que eles façam parte da sua vida.

Certifique-se de estar sempre disposto a dar espaço ao seu parceiro quando for necessário. Todos precisamos de tempos juntos, mas também descobrimos que há momentos em que realmente precisamos ter o nosso próprio espaço e o nosso próprio tempo sozinho. Às vezes só precisamos de algum tempo para refrescar as nossas mentes, por isso é importante que respeite o desejo do seu parceiro de ter algum tempo próprio.

Se está a ter um momento difícil, tente começar de novo. Se fizer isso, pode ganhar alguns novos sentimentos dentro da sua relação. Também precisam ser capazes de perdoar um ao outro e de deixar as mágoas do passado para que a relação continue. Então façam reparações e depois limpem a lousa e comecem tudo de novo como se estivessem apenas começando a namorar um ao outro pela primeira vez.

Faça o que fizer, não mostre sinais de ciúmes por coisas que o seu parceiro possa fazer, como querer sair com os amigos dele ou dela sem você, afinal há momentos em que provavelmente quer poder fazer a mesma coisa. Mostre sempre que confia neles e eles farão o mesmo com você.

Estar num relacionamento significa fazer sacrifícios um pelo outro de vez em quando, mas nunca se esqueça de se amar primeiro. Como você pode afirmar amar outra pessoa se você nem se ama a si mesmo? Certifique-se de manter a autoconfiança, o auto-respeito e os valores de si mesmo. Você é o mais importante em um relacionamento. Até certo ponto, não se afaste muito, apenas para o benefício do seu parceiro. Pense em mais maneiras de se comprometer em vez de se sacrificar totalmente. A sua vida não deve girar inteiramente em torno da sua relação.

O que mantém vivas as relações?

Bem, há muitas coisas que mantêm a chama acesa. Estar apaixonado por alguém é uma escolha que deve escolher fazer todos os dias. Permanecer fiel e honrado são também requisitos de uma parceria duradoura. Ter em mente que é sempre uma escolha para permanecer num relacionamento é um grande fator para estarmos juntos por um longo tempo.

Seja feliz com quem é – Um dos assassinos mais comuns de relacionamentos é ser muito inseguro. Muitas pessoas esquecer-se-iam de quem eram quando entrassem num relacionamento. Gradualmente perdem as suas identidades e tornam-se parte do “nós” em vez de dois “eu” que vão juntos. Deve ser capaz de definir que realmente é, porque isso vai ajudá-lo a saber o que você precisa e quer, também deve estar feliz porque você é agora e quem era antes; fundindo os dois pontos da sua vida junta para se tornar a pessoa presente que é. Deve ficar longe de momentos de ódio por si mesmo. Você pode ter envelhecido, engordado ou se tornado um pouco chato, mas deve aprender a ser feliz com a sua própria pele. Não se compare com os outros. É cansativo acompanhar a pessoa que tem muita auto negatividade.

Respeite o seu parceiro – Não se esqueça das coisas simples que fez pelo seu parceiro antes. Não se esqueça de como foi gentil quando falou com ele ou ela. Ele ou ela não é o seu tapete da porta, ou saco de boxe para despejar a sua sujidade. Precisa aprender a honrá-lo. Seja amável e gentil sempre, mesmo que esteja chateado ou mesmo que esteja a ter uma briga. Tente falar com o seu parceiro em vez de gritar com ele ou ela. Não faça jogos de culpas com ele ou ela. Se você vai simplesmente culpá-lo continuamente, então vai acabar triste e amargo.

Confiança – Confiança vai muito, muito longe na relação. Um parceiro que está sempre bisbilhotando a tentar bisbilhotar o telefone ou o computador do outro parceiro é uma pessoa que é cansativa para estar com ele. É totalmente sufocante estar com alguém que tenta descobrir tudo e cada coisa que faz. Por outro lado, também deve merecer a confiança do seu parceiro. Deve deixar que ele ou ela saiba que você não vai quebrar essa confiança. A confiança e o amor andam de mãos dadas. Se está numa relação, mas não há confiança, não faz sentido ficar na relação. Sem confiança, vai se sentir assustado e inseguro o tempo todo, a ponto de desespero e insanidade.

 

Written By
More from Joana Vieira

7 Passos para um Relacionamento Saudável

Como viver um Relacionamento Saudável Relações saudáveis envolvem duas pessoas que se...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *